TOP TEN MORTOS-VIVOS GAMES!

 Opa! Eu sou o Becker e eu gosto de… ZUMBIS! Mentira, não curto esses monstros coisa nenhuma e isso significa que um monte de jogos atuais não me agradam. Não me julguem, não estou dizendo que o gênero é ruim, estou dizendo que não gosto e prefiro muito mais uns robôs trocando socos ou umas ninjas gostosas simpáticas lutando. Maaaas como tudo tem exceção andei relembrando e – olhem só – até que joguei muita coisa legal com zumbis! Notem que estou considerando como zumbis os mortos-vivos de todo tipo, ok? Vamos lá!

 

10!

SIGMA – MEGAMAN X6!

(Playstation)

Mas de novo? Fica no túmulo, cara!

É sério sim! Aposto que vocês já sabiam que eu ia encaixar megaman no top ten e a escolha mais óbvia era a fase do vampiro do megaman 7, onde tinham os robôs zumbis levantando do túmulo, né? Pois achei coisa melhor.

Sigma é o típico last boss que adora ressuscitar a cada jogo, e normalmente a trama é sobre algum maluco seguidor do vilão que está tentando ressuscitá-lo construindo um novo corpo para tanto… Mas no sexto jogo não é bem assim: O vilão da vez não tem muito interesse em ressuscitar Sigma e deixa ele por conta própria – o resultado é literalmente um zumbi, esfarrapado, desconjuntado e se arrastando pela tela enquanto geme. Nem pra ameaçar os heróis o robozão morto vivo tem capacidade direito, parecendo que está lutando mais por instinto do que outra coisa!

Tá bom que ele ressuscita nos próximos dois jogos, mas essa é outra história.

Ele mal sai do lugar, coitado…

 9!

DECAPATTACK!

(Mega-drive)

Olha a múmia aí!

Ei, nada de sair me xingando: múmias são mortos vivos sim! E qual o melhor exemplar de múmia do que um monstro enfaixado com a cabeça no meio do tórax e que usa um crânio como arma? Pra fica meio estranho o cara carrega o crânio em cima do pescoço decapitado e… Ixi, ficou mais estranho.

Pior mais ainda quando o herói (Chuck D. Head) faz um ataque corporal – projetando a cabeça do torso, é horrendo! Mas eu acho maneiro o jogo – tem cara de jogo de master system só que gráfico melhor… Aliás, o Master System é o maior zumbi do mundo dos videogames, continua sendo vendido até hoje, se duvidar!

 

Credo!

 8!

MR BONES!

(Saturn)

Igual cd de musica!

 Mr. Bones rulez! Oque pode ser mais legal que um esqueleto que toca guitarra? Muita coisa, provavelmente, mas ainda acho maneiro pra caramba!

Quando algum vilão psicótico ressuscita os mortos algo dá errado e um deles acaba saindo do bem e livre do controle do mal. Cabe ao herói desfazer a lavagem cerebral em seus companheiros de túmulos e acabar com o regime escravista sobrenatural!

Nunca ouviu falar desse jogo? Pois devia – Ele foi um dos primeiros, senão o primeiro, “jogo sem-vergonha casual”. Pois é, a aventura do caveirão nada mais é que um apanhado de mini games. OI jogo é ótimo, mas não fez muito sucesso na época. Se tivesse sido lançado junto com o Nintendo Wii tinha sido um sucesso, garanto!

Ninguém era casual na época?

7!

CASTLEVANIA: DRACULA X!

(Super Nintendo)

Conversão sem vergonha, mas era legal…

 Opa, claro que castlevania tinha que aparecer! E nem é por causa do Drácula, pois aqui ele está muito mais pra um demônio do que pra um morto vivo!

Esse jogo em especial é o remake mal feito do fantástico Rondo of Blood – do turbografx. Mas na época que eu joguei nem tinha ideia do que diabos era um turbografx e me diverti bastante como jogo que afinal foi o primeiro castlevania que eu vi na vida.

E, como estamos falando de zumbis e afins, isso é o que não falta aqui: Tem tudo que é tipo de morto andando por aí, caveira, boizão meio podre, exército infindável de zumbis… Tudo regado a uma jogabilidade e dificuldade imperdoável. Felizmente o herói conta com chicote sagrado mas isso não facilita em nada pular sobre os pilares enquanto as cabeças de medusa te metralham! Como estou desviando do assunto, vamos para o próximo…

Mas era melhor no original!

 6!

THE CURSE OF THE MONKEY ISLAND!

(PC)

Tão maneirooo…

 Sabe quantos jogos eu tenho? Um monte! Só que nenhum de PC. Não é minha praia, sempre gostei mais de jogar no videogame de verdade mesmo. Ajuda o fato de eu sempre ter um computador do mais porcaria que trava só de olhar pra ele, imagina jogar no coitado… De toda forma, quando bate a sensação de culpa e única e somente por causa dos jogos da série Monkey Island.!

Pessoalmente eu gosto mais do terceiro, só porque u gosto do traço, de como os personagens são desenhados… E o único que dei uma jogadinha – ei, é o único jogo de computador que eu já joguei!

Voltando aos zumbis, o vilão da série é o famigerado pirata zumbi Le Chuck! E na terceiro ele ainda tem barba de fogo, olha que maneiro! Claro que ele vai voltar nos outros jogos sempre numa forma diferente, e tal, mas sempre que penso em pirata zumbi eu me lembro do Le Chuck. Quem precisa de Piratas do Caribe?

Isso sim que é gráfico!

 5!

BEAST BUSTERS!

(Arcade)

Capa maneira!

 Agora começa a ficar bom! Lembra-se de Aliem Storm, que tinha aquelas fasezinhas que ficava em primeira pessoa e você tinha que destruir tudo na base do tiro? Pois Beast Riders é só essa parte!

Tá bom, a primeira coisa que eu lembrei quando conheci esse jogo foi do Terminator 2 do arcade , jogo maneiríssimo! É praticamente a mesma coisa, só quem gráficos mais podres e cheio de zumbis aparecendo na tela e explodindo a torto e a direito… Não, não é igual House of  The Dead não porque aqui a tela não fica parada esperando você mirar, ela vai andando pra direita e você tem que se virar. Só diversão! Que deve te custar muita gana em fichas no fliperama, mas diversão.

 

Cópia do T2…

4!

CORPSE KILLER!

(Sega-CD 32X)

Cópia ruim do T2…

 Falando de clone do Terminator só que zumbi, temos aqui mais um! A jogabilidade é a mesma, mas sendo um jogo de sega cd encheram de filminhos pra contar uma história. Legal, né? Só no conceito, porque na execução tudo é ruim! Os gráficos são borrados e os filmes não só são borrados como também idiotas, parece que a gente tá assistindo Power Rangers só que sem os robôs e as lutas – ficaram só as baboseiras mesmo.

Não custa nada dizer que saíram umas quinhentas versões pra tudo que é console futurístico da época, mas eu acho todos porcaria igual. Mas, ei, eu gosto de jogo porcaria!

Ah, e alguém lá na SEGA teve a brilhante ideia de fazer uma versão pro Sega Saturn e ainda colocou na caixa escrito que é um dos top 20 daquele ano. Não recomendo que acreditem, deve ter sido a maior mentira de 1994, isso sim!!!

 

Quem precisa de HD…

SEGA, pare de mentir!

 3!

ZOMBIE REVENGE!

(Dreamcast)

 

Eu prestei mais atenção no símbolo do Dreamcast do que na garota…

 Tenho Certeza de que deve existir outro no mesmo gênero, mas eu só conheço um jogo de beat’em up com zumbis… Nada mais nada menos que Zombie Revenge! Tá, e daí? Daí que é do dreamcast e isso por si só já é extremamente maneiro.

O jogo é uma pancadaria contra mortos vivos, e um dos poucos desse tipo poligonal. Tem uma garota simpática como personagem selecionavel que fez com que eu conhecesse o jogo – na época eu não sabia a importância dele: É um spin-off de House of the Dead! Sim, a história se passa paralela aos acontecimentos do primeiro jogo da série, só que que outro contexto. Ou algo assim, eu só trava me importando em bater nos zumbis com a garota e nada mais…

Claro que existe uma dúzia de Houses of The Deads mais interessantes, mas são tantos que dá pra fazer um top tem só disso então deixa pra outra vez.

Ah, caso alguém não saiba os zumbis de House of the Dead não são sobrenaturais, foi o desgraçado do Dr. Curien que foi brincar de Deus e fez besteira…

 

…mas eu só jogo com ela assim mesmo!

2!

PYONG – SUPER MARIO LAND!

(Gameboy)

 

Até você, Mario?!

Quem diria que até o Super Mario já teve que enfrentar zumbis! Sério, não tô inventando não, na última fase do jogo pra gameboy o encanadora vai pra um mundo meio achinezado e tem que enfrentar os zumbis saltitantes. O chefe da fase é o chefe final que logicamente é um alienígena na sua nave espacial, tudo faz sentido nesse jogo!

Levando em conta as Ghost Houses que aparecem nos jogos do Mario o que não falta são mortos-vivos, mas acho que o Pyong é o único que tem carne e não é feito só de ossos…

Caso você seja uma pessoa extremamente bem informada deve estar pensando em me bater então vou falar: Tecnicamente o tal inimigo é um vampiro. Vampiro na china é assim, ué, só que eu não sabia disso até semana passada e eu sempre achei que o bicho fosse zumbi mesmo. Felizmente o monstro é uma criatura versátil que faz os dois papéis muito bem então tá tudo bem e eu nem sou assim tão burro!

Esmaga o zumbi aí, Mario!

 1!

ZOMBIE NATION!

(Nintendinho)

Ó o E. Honda lá no fundo…

Esse não é segredo pra ninguém que tem zumbi no meio, o nome já entrega… Mas então: Hoje vimos zumbis robôs, demônios, múmias, caveiras, vampiros chineses, os ressuscitados pela ciência e aqueles pela magia… Tá faltando alguma coisa? Claro, os zumbis alies!

Ok, os zumbis desse jogo não são necessariamente aliens, mas a causa deles sim. Conforme a historinha (sem pé nem cabeça) do jogo tudo começou com um meteoro idiota que caiu nos Estados Unidos, transformou a população em zumbi e logicamente isso acordou a cabeça-gigante-voadora-samurai que veio lá do Japão pra salvar os EUA. Atirando olhos e vomitando nos inimigos.

Sério.

É sério sim, juro que não bebi nem nada do gênero!

Mas o monstro é do bem, já que está salvando o mundo os EUA dos alienígenas. E durante o caminho ele ainda salva as pessoas em perigo – que ficam caindo dos prédios que ele destrói. Quanto mais pessoas salvas mais power-ups! Claro que você pode considerar que ele devora as pessoas, isso não foi bem especificado…

Lógico que uma estranhice dessa só podia vir do Japão, né? Mas espera aí, o jogo original japonês se chama Tengu arruaceiro (Abarenbō Tengu), nem tem zumbi no nome! E o herói ainda é uma cabeça flutuante só que de Tengu (monstro estranho japonês que nem o vilão do Dead or Alive 2). Será um Tengu morto-vivo? E porque diabos a assombração tem que vir lá do oriente pra defender os EUA? Deixa os estrangeiros morrer, oras!

Melhor parar por aqui, vocês já entenderam o quanto o jogo é estranho e ficar pensando nesse game não dá futuro pra ninguém.

Mais sensato impossível!

 É isso, pessoal: Oque, não gostou que não teve Residente Evil ou coisa do Gênero? Pois deixei de fora mais um monte de jogo bem mais maneiro, os quais eventualmente vou abordar com mais calma. Mas se tá muito revoltado é só deixar seu comentário , ué! Alias, comenta aí senão a cabeça samurai vem atrás de você!

 Eu sou o Becker e ando gastando muito tempo assistindo GAMECENTER CX no youtube! Por hoje é só e até!

Anúncios

6 Respostas para “TOP TEN MORTOS-VIVOS GAMES!

  1. Becker!!!!!
    O seu desenho (doodle?)é de longe a MELHOR parte do post!
    Não entendo muito de games mas eu adoro seus top ten^^

    Beeeino

  2. hauaha o que é um turbografx?
    post muito divertido! acho que so poderia entrar tb o “zombies ate my neighbor” (sei la como escreve) que era foda tb!

    tem até robo zumbi! quem diria, isso eu não sabia!

    e pra adicionar coisa pro dreamcast, acho que o code veronica tb é do console….

  3. Opa! Valeu aí, Lulu! Aos poucos a gente aprende!

    Kit, faltou um monte de jogo legal, mas vou deixar pra segunda edição…

  4. Opa, cheguei aqui através do seu blog antigo (que por sua vez, cheguei pesquisando por games clássicos antigos). Muito legal o seu blog, gosto muito dos seus posts, será que vc estaria interessado em escrever algumas matérias para o nosso blog? Infelizmente sem remunerações, somos pobres, aheauheuaheauh
    Tae o link do blog, abs

    • Opa! Desculpá aí pela demora na resposta! Amigo, fico lisonjeado, mas no momento não posso assumir compromisso de escrever para outros blogs – mal consigo tempo pra este… quem sabe no futuro? Mas valeu, mesmo!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s